Notícia 005

ACSO/UNEB classificado para as semifinais da copa do mundo de futebol de robôs

A equipe Brasil-PV1, composta por pesquisadores da UNEB, está classificada para as semifinais da copa do mundo de futebol de robôs na categoria Visualização Física (Physical Visualization-PV). A façanha foi obtida na tarde deste sábado (7 de julho) durante a Robocup 2007 em Atlanta, EUA.

O ACSO/UNEB conquistou o direito de participar da seleção brasileira de robótica por ter obtido classificação nas eliminatórias da Robocup - principal competição científica de robótica - em duas categorias: Futebol Simulado 2D e Visualização Física (PV). A seleção brasileira está em Atlanta desde o dia primeiro de julho disputando oito categorias da Robocup (seriam dez, mas devido à ausência de patrocinadores duas categorias não puderam ir à Atlanta apesar de estarem classificadas).

Desta forma os times Brasil-2D e Brasil-PV1 são compostos pelo Prof. Marco Simões (UNEB/FIB) e pelos estudantes/pesquisadores Hugo Silva (UNEB) e Jessica Meyer(UNEB). Na categoria PV são usados micro robôs reais da Citizen atuando num ambiente virtual para disputar uma partida de futebol. Este é o primeiro ano que esta categoria é disputada e doze grupos de pesquisa dentre vinte e sete de todo o mundo foram selecionados pelas suas qualificações científicas para receber a doação de vinte micro robôs e disputar a primeira competição mundial desta categoria em Atlanta. Três grupos brasileiros obtiveram esta qualificação: Brasil-PV1(ACSO/UNEB), Brasil-PV2(FURG) e Brasil-PV3(UFRN).


Micro Robôs sendo preparados para disputar uma partida em Atlanta



Neste primeiro ano, apenas 10 das 12 equipes qualificadas compareceram ao torneio. As equipes foram divididas em dois grupos de 5 times cada um. Dois times de cada grupo se classificaram para as semifinais que serão disputadas em regime eliminatório. As equipes disputaram jogos entre si dentro dos grupos na fase classificatória. Foram formados os seguintes grupos:

Grupo A:

  • Helena (Japão)
  • UoM (Canadá)
  • FC Portugal
  • Wolves (Alemanha)
  • UI-AI (Irã)

Grupo B:

  • Brasil-PV1
  • Brasil-PV2
  • Brasil-PV3
  • City United (Inglaterra)
  • Socio (Japão)


A campanha da equipe unebiana Brasil-PV1 foi a seguinte:

Brasil-PV1 0x8 Socio
Brasil-PV1 5x3 Brasil-PV2
Brasil-PV1 1x1 Brasil-PV1
Brasil-PV1 8x0 City United

Esta campanha deu o segundo lugar na classificação e vaga nas semifinais da competição que acontecerão neste domingo (8 de julho) às 11:00 hs. Independente dos resultados deste domingo, a quarta colocação já obtida pela equipe unebiana representa a melhor posição brasileira já obtida numa categoria da Robocup desde a sua criação em 1996.


Equipes Brasil-PV1 e Brasil-PV3 da Bahia e RN após o empate em 1x1 na fase classificatória


A Seleção Brasileira de Robótica é uma rede cooperação científica de diversas instituições brasileiras que visam fomentar o desenvolvimento da robótica autônoma no nosso país, permitindo a inserção brasileira entre os países mais desenvolvidos tecnologicamente no mundo. A falta de apoio financeiro tem sido o principal entrave para que o Brasil possa disputar em condições de igualdade com as melhores equipes do mundo competições como a Robocup e outras. Desta forma, a conquista dos pesquisadores da Uneb é uma verdadeira façanha e precisa ser muito comemorada por todos os brasileiros. A expectativa é que estes resultados chamem a atenção das empresas e governos para a necessidade urgente de patrocínio e apoio financeiro para este grupo de abnegados cientistas brasileiros.


Integrantes da Seleção Brasileira de Robótica nas categorias Futebol Simulado 2D, Futebol Simulado 3D, PV, Resgate Simulado e o presidente do comitê brasileiro Robocup em Atlanta antes da partida decisiva entre Brasil-PV1 x City United que classificou o Brasil para as semifinais.